Ações de promoção à saúde

Projeto Acolhimento sob Medida está presente em 10 Ceamas 

O  Iamspe está incrementado suas ações no Interior de São Paulo. Implantado em março como piloto em Sorocaba, o Projeto Acolhimento sob Medida ganhou reforço no mês passado com a adesão de mais oito Ceamas localizados nas cidades de Araçatuba, Bauru, Barretos, Presidente Prudente, Piracicaba, Ribeirão Preto, Santos e São Jose dos Campos e São José do Rio Preto.

O objetivo da proposta é oferecer informações de promoção à saúde e prevenção de doenças aos usuários das várias regiões do Estado, incluindo jovens, aposentados e membros da Comissão Consultiva Mista (CCM).

Segundo Andrea De Callis, responsável por desenvolver o projeto junto aos Ceamas, a ideia é estender o projeto a todos os 17 postos de atendimento próprios do Iamspe.  “Todo mês são produzidos materiais de apoio no formato de cartilhas para auxiliar nos eventos de acolhimento”, diz.

De acordo com Andrea, já foram abordados temas como Saúde dos Rins, Alzheimer,  Violência da Mulher e Hipertensão. “Para os próximos meses estão programados materiais didáticos focando assuntos como vacinação para idosos, prevenção de acidentes da pessoa idosa e da criança e hepatites”, conta. 

Pioneiro

Em Sorocaba, o projeto oferece todas as sextas-feiras, sempre no período da tarde, rodas de conversas sobre temas de saúde, além de atividades lúdicas, bingo e artesanato. A primeira roda de conversa no Ceama colocou em discussão a questão do envelhecimento e de como é possível passar por esse processo de forma saudável adotando uma alimentação balanceada, atividade física adequada para manter a autonomia e mobilidade e também investindo na construção de boas relações sociais.

 

Uma vez por mês, o grupo se reúne para fazer atividades físicas como alongamento e caminhada e nos encontros a equipe do Ceama aproveita para verificar a pressão arterial e glicemia dos participantes.

Segundo a diretora do Ceama de Sorocaba, Zeneide Milan, mais de 200 pessoas já se inscreveram no projeto, a maioria idosa. “O envelhecimento afeta todos, mas hoje temos ferramentas para retardar esse processo.”